segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

L (poema de Fabio Guadalupe)



Neste dia ensolarado onde sol queima a retina
Os anjos de pedra me avisam que não há nada de especial
Que nada (ainda) vale a pena.
Por isso são apenas anjos de pedra.

(Fabio Guadalupe – Teorema Menor: http://teoremamenor.blogspot.com.br/p/capa.html)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTA QUE EU GOSTO